SINÓP: Foi preso o traficante suspeito de agredir e manter em cárcere a própria mãe

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf), prendeu um homem na sexta-feira (06.08), em Sinop (500 km ao norte de Cuiabá), durante averiguação de uma denúncia de agressão no âmbito da violência doméstica e familiar.

O suspeito de 33 anos foi autuado em flagrante por tráfico de drogas. Ele também responderá a inquérito instaurado para apurar os crimes de sequestro e cárcere privado e ameaça.

As diligências iniciaram após denúncia sobre um endereço no bairro Boa Esperança, onde uma mulher vinha sofrendo torturas física, psicológica e cárcere privado, praticados pelo próprio filho, que além de violento, agia no tráfico de drogas na região.

Imediatamente, a equipe foi até o endereço mencionado, sendo recebida pela vítima que autorizou a entrada no local. Durante entrevista, a vítima confirmou os fatos narrados na denúncia, revelando um histórico de agressões, e já havia solicitado as medidas protetivas da Lei Maria da Penha.

A vítima informou que o suspeito é muito agressivo e teme pela própria vida. Ela relatou que após o seu filho também passou a perseguir a ex-namorada após o término do relacionamento. Em uma das agressões praticadas contra a mãe, ele teria obrigado a vítima a ficar de joelhos, enquanto a agredia com socos e pontapés e a mandava rezar para voltar com a ex-companheira.

Durante buscas no imóvel, os policiais civis apreenderam seis porções médias de maconha dentro do banheiro. Questionado, o suspeito confessou que a droga era para a venda.

Diante dos fatos, ele foi conduzido até a delegacia, interrogado e autuado em flagrante. Após a confecção dos autos, o preso foi apresentado e colocado à disposição da Justiça.

Walney Rosa
Jornalista, produtor cultural e escritor. Walney de Souza Rosa (Vavá Rosa) presta assessoria e escreve para sites de Mato Grosso e de todo o Brasil. Seus artigos literários e culturais já foram publicados em jornais da Europa, Canadá e Estados Unidos. Idealizador e Fundador em 21 de janeiro de 2011 da Academia Lítero-Cultural Pantaneira, que compõe escritores, poetas, músicos e defensores da cultura pantaneira (com sede em Poconé) Entre obras já publicadas: A fé e o fuzil (A história de Doninha do Caeté); Boca da Noite (Ficção policial); Ei amigo (A história do Lambadão de Poconé).

Deixe uma resposta Cancelar resposta