Em continuidade aos trabalhos para desmantelar o grupo criminoso, a equipe da delegacia identificou que o advogado de um dos suspeitos presos seria o responsável por guardar e fornecer a arma utilizada no crime.

Um advogado foi preso na sexta-feira (06.08), pela equipe da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Sinop, em continuidade à investigação de um roubo ocorrido no município, no mês de junho.

O profissional de 28 anos foi preso na cidade de Tabaporã, na região médio-norte do estado, em sua residência, onde os policiais da DERF, com apoio da Delegacia do município, também cumpriram mandados de busca e apreensão.

No dia 09 de junho ocorreu um roubo em Sinop, quando quatro criminosos, três deles armados com um revólver calibre .357 e dois simulacros de armas de fogo roubaram um veículo Fiat Strada da vítima.

No decorrer das investigações, a equipe da DERF de Sinop conseguiu identificar e prender três criminosos que participaram da ação.

Em continuidade aos trabalhos para desmantelar o grupo criminoso, a equipe da delegacia identificou que o advogado de um dos suspeitos presos seria o responsável por guardar e fornecer a arma utilizada no crime.

Diante das informações coletadas que demonstravam o envolvimento, a autoridade policial representou pelos mandados de prisão e de busca e apreensão, que foram deferidos pela 1a Vara Criminal de Sinop. Os mandados foram cumpridos na residência e no escritório do profissional.

Durante o cumprimento das buscas, a equipe policial localizou uma pistola 9mm, além de munições de outros calibres e apetrechos para recarga.

O advogado foi encaminhado para Sinop, onde passará por audiência de custódia da Justiça.

Walney Rosa

Jornalista, produtor cultural e escritor. Walney de Souza Rosa (Vavá Rosa) presta assessoria e escreve para sites de Mato Grosso e de todo o Brasil. Seus artigos literários e culturais já foram publicados...

Deixe um comentário

Deixe uma resposta Cancelar resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.