A Prefeitura de Poconé, a 100 km de Cuiabá, decretou, nesta terça-feira (28), toque de recolher devido ao aumento de casos da Covid-19 no município. Além disso, o prefeito Tatá Amaral (DEM) iapresentou outras medidas restritivas para conter o avanço do coronavírus.

De acordo com o documento, fica proibida a circulação de pessoas entre meia noite e as cinco da manhã de segunda-feira a domingo, exceto para o desempenho das atividades escolares.

Além de som automotivo em espaço público, a presença de público externo em jogos de futebol realizados em campos privados e públicos.

Fica proibido também a realização de eventos e limitação de participantes em confraternizações familiares.

Segundo o decreto, a Polícia Militar vai fiscalizar e está autorizada a dispersar aglomerações em bares e restaurantes.

O morador que descumprir as medidas restritivas pode receber multa.

Casos de Covid-19 e vacinação

Desde o início da pandemia, em Poconé, foram registrados 3.890 casos de Covid-19 e 86 mortes pela doença. Atualmente, o município possui uma pessoa internada em um hospital público e outras 156 em monitoramento se recuperando em casa.

Já a vacinação no município continua. O município tem 33 mil habitantes e já vacinou 70% da população com primeira e segunda dose; sendo 22.507 pessoas, de acordo com dados do Ministério da Saúde atualizados até na segunda-feira (27).

Deixe um comentário

Deixe uma resposta Cancelar resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.