POCONÉ: ULTIMAS UNIDADES DO RESIDENCIAL GUATÓS SÃO SORTEADOS

Finalizando o total de 200 casas do conjunto habitacional do Residencial Guatós I, na manhã desta quinta-feira (03/11), a Prefeitura por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, Emprego e Renda, através do CRAS – Centro de Referência de Assistência Social, realizou o ultimo sorteio das 40 residências que faltavam, para as famílias contempladas pelo Programa Federal Minha Casa Minha Vida, em Poconé (104 km da capital Cuiabá).

Os imóveis fazem parte de um conjunto de duzentas casas populares que começaram a ser construídas em 2012, com recursos na ordem de mais de R$ 12 milhões de reais, mas devido a problemas com a empreiteira responsável pelas obras, foi paralisado até o ano de 2017, onde graças ao empenho do Governo do Estado junto à Caixa Econômica Federal e da Prefeitura de Poconé, as obras foram retomadas realizando a entrega das primeiras 120 unidades, do Guatós 01 em janeiro de 2017, cinco anos após a assinatura do contrato.

O sorteio realizado no Centro de Convivência da Melhor Idade Aurílio Dias de Moura, contou com a presença da Primeira-dama e Secretária de Assistência Social, Emprego e Renda, Joelma Gomes e toda a equipe da Secretaria Municipal, envolvida no programa, no qual já nos próximos dias, também será realizada a assinatura do convênio e entrega das chaves para as famílias contempladas.

As 200 moradias foram divididas em duas etapas Guatós I e II, a primeira com 140 moradias e a segunda com 60, atendendo cerca de 800 pessoas em Poconé. Os imóveis contam com uma rede de esgoto completa, asfalto, água tratada, galerias pluviais, meio-fio, rede coletora de esgoto, teto solar e toda estrutura necessária que as famílias necessitam.

As casas do Empreendimento Guatós I e II contemplam famílias com renda de até R$ 1.800 por mês. Em média, os contemplados irão pagar parcelas de R$ 80 mensais. Cada uma possui dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço, adaptadas para pessoas com deficiência. O prazo total do financiamento é de 10 anos.

Walney Rosa
Jornalista, produtor cultural e escritor. Walney de Souza Rosa (Vavá Rosa) presta assessoria e escreve para sites de Mato Grosso e de todo o Brasil. Seus artigos literários e culturais já foram publicados em jornais da Europa, Canadá e Estados Unidos. Idealizador e Fundador em 21 de janeiro de 2011 da Academia Lítero-Cultural Pantaneira, que compõe escritores, poetas, músicos e defensores da cultura pantaneira (com sede em Poconé) Entre obras já publicadas: A fé e o fuzil (A história de Doninha do Caeté); Boca da Noite (Ficção policial); Ei amigo (A história do Lambadão de Poconé).

Deixe uma resposta Cancelar resposta