POCONÉ: Prefeitura cria Sala do Empreendedor

Com objetivo de simplificar e desburocratizar o processo de registro e licenciamento de empresas, a sala do empreendedor já está funcionando no município de Poconé (104 km da capital Cuiabá), e tem como objetivo principal, ser o canal de interação da Prefeitura com os cidadãos empresários, oferecendo serviços exclusivos para Microempreendedores Individuais (MEI), como por exemplo, abertura regularização e baixa da empresa (MEI).

A unidade oferece serviços gratuitos, sendo eles:
•    Abertura e formalização de MEI;
•    Emissão de boletos;
•    Renegociação de dívidas;
•    Declaração anual;
•    Alteração;

Documentos necessários para abertura:
•    Baixar o app do GOV.br;
•    Criar senha ou recupera-la caso já tenha;
•    Nível de segurança do GOV.br PRATA;
•    CPF e RG;
•    Comprovante de endereço;
•    Título de eleitor;
•    Celular carregado com acesso à internet;
•    E-mail cadastrado no aparelho;

O objetivo da Sala do Empreendedor, está ligado à simplificação de processos nos órgãos públicos municipais, garantindo atendimento ágil e de qualidade, tornando menos onerosos os serviços para os cidadãos, colaborando para uma gestão pública mais eficiente, visando oportunizar a orientação e capacitação para as micros e pequenas empresas participarem das compras públicas, além de oferecer em parceria com o SEBRAE, capacitações para as empresas, entre outros serviços que possibilitam o desenvolvimento das empresas.

O processo que antes levava entre cinco e sete dias úteis passou para 24 horas para a abertura de empresas de natureza simples. Situada no Paço Municipal Antônio Joao Ribeiro, centro da cidade, os empreendedores também poderão estar recebendo, orientações sobre a abertura de empresas de natureza mais complexa, com atendimento em apoio aos micros e pequenos empreendedores, bem como aos profissionais liberais, funcionando de segunda a sexta-feira das 7h às 13h.

Walney Rosa
Jornalista, produtor cultural e escritor. Walney de Souza Rosa (Vavá Rosa) presta assessoria e escreve para sites de Mato Grosso e de todo o Brasil. Seus artigos literários e culturais já foram publicados em jornais da Europa, Canadá e Estados Unidos. Idealizador e Fundador em 21 de janeiro de 2011 da Academia Lítero-Cultural Pantaneira, que compõe escritores, poetas, músicos e defensores da cultura pantaneira (com sede em Poconé) Entre obras já publicadas: A fé e o fuzil (A história de Doninha do Caeté); Boca da Noite (Ficção policial); Ei amigo (A história do Lambadão de Poconé).

Deixe uma resposta Cancelar resposta