Poconé é marcada pela identidade das delicias pantaneiras, pela sua gastronomia e pela sua produção artesanal.

A Prefeitura da cidade, distante 100 quilômetros ao sul de Cuiabá, está buscando junto ao cooperativismo potencializar a produção no município.

Foi realiza importante reunião com representantes da Cooperativa Inclusiva das Mulheres do Cerrado e Pantanal Mato-grossense

A Primeira Dama e Secretária Municipal de Assistência Social, Emprego e Renda, Joelma Gomes, conduziu as deliberações em seu gabinete, com membros e representantes da Cooperativa Inclusiva das Mulheres do Cerrado e Pantanal Mato-grossense, para debaterem a respeito da elaboração do rótulo nutricional das mercadorias que serão produzidas e entregues pela cooperativa.

Das mercadorias mencionadas para elaboração dos rótulos estão a Farinha de mandioca branca, farinha de mandioca temperada, bolo de mandioca, rapadura simples, rapadura de massa e derivados, polpa de tamarindo, doce de cumbaru, licor de cumbaru, frangos caipiras, ovos orgânicos, doce de leite, castanha de cumbaru, dentre outros.

O objetivo principal dessa ação, é formalizar os produtos que ja vem sendo comercializados nas feirinhas que a Secretaria Municipal de Assistência Social, Emprego e Renda organiza no município, todas as sextas-feiras, passando mais credibilidade aos produtos que forem adquiridos pelos consumidores municipais.

Participando da reunião estiveram presentes a Presidente da Cooperativa, Laura Cristina Fernandes Pacheco, sua Vice-presidente, Benedita Rosana da Silva, a Secretária Suellen Fátima, bem como a Contadora, Élcia Conceição Leite e a Nutricionista Michelly Francisca da Silva.

Walney Rosa

Idealizador e Fundador em 21 de janeiro de 2011 da Academia Lítero-Cultural Pantaneira, que compõe escritores, poetas, músicos e defensores da cultura pantaneira (com sede em Poconé) Antes disso em...

Deixe um comentário

Deixe uma resposta