A Secretária Municipal de Cultura de Poconé, Professora Mariana Petronília de Arruda Pereira e sua equipe técnica participaram do Encontro de Gestores de Cultura de Mato Grosso, realizado na terça-feira (23.03) via plataforma virtual. Promovida pela Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT).

Integração, cooperação e aprendizado marcaram a reunião que contou com a participação de gestores, secretários, coordenadores e agentes públicos de quase todos os municípios mato-grossenses.

Durante toda a manhã, representantes da Secel e dos municípios conversaram sobre políticas públicas de desenvolvimento da rede produtiva da cultura em Mato Grosso. Na pauta, o Plano Estadual de Cultura e as eleições para o Conselho de Estado de Cultura e do Comitê Intergestores Bipartite, bem como tratativas sobre atividades em andamento e a serem realizadas.

Professora Mariana esteve entre os participantes, dos quais iniciando neste ano na pasta de cultura por conta da renovação de gestões municipais após as eleições.

“Aqui podemos conhecer conceitos, legislações e orientações sobre elementos que fazem parte das políticas culturais. Patrimônio histórico, tombamento de bens nos municípios, economia criativa, bibliotecas públicas, descentralização, incentivos de fomento e diversidade étnica e cultural foram alguns dos temas tratados no encontro online. A prefeitura de Poconé está se preparando para atendermos a demanda do setor”, afirmou Mariana.

Os gestores municipais tiveram acesso ainda ao planejamento da Secel para 2021, que inclui o lançamento de editais e programas que contemplam ações em todos os municípios do estado. Dentre as novidades compartilhadas estão a aceleração de negócios criativos, restauração de bens tombados, revitalização de bibliotecas, pontos de cultura, incentivos e eventos literários, e a reedição dos editais MT Nascentes e Circuito de Mostras e Festivais. 

De acordo com o superintendente de Políticas Culturais da Secel, Jan Moura, o envolvimento dos municípios nas atividades estaduais e o amparo do Estado às demandas municipais ajudam a revigorar a rede produtiva cultural mato-grossense.   

“Uma política pública estadual de cultura só será fortalecida se fortalecidas estiveram as políticas públicas municipais”, destaca. 

Para os gestores participantes, a reunião trouxe, além de informações e orientações, a certeza de que a integração funcionará como direcionamento na execução de suas políticas culturais, conforme verbalizaram ao final do Encontro Estadual.   

“Agradecemos por além de esclarecer, nos incentivar”. “Parabéns a toda equipe, foi um momento de muito aprendizado”. “Foi ótimo! De enorme proveito esse encontro”. “Gratidão pelas informações e orientação para todos nós”. “Mesmo em meio à pandemia, seremos mais produtivos por essa proximidade na comunicação e apoio da Secel”.

Walney Rosa

Idealizador e Fundador em 21 de janeiro de 2011 da Academia Lítero-Cultural Pantaneira, que compõe escritores, poetas, músicos e defensores da cultura pantaneira (com sede em Poconé) Antes disso em...

Deixe um comentário

Deixe uma resposta