O vazamento no Gasoduto Lateral Cuiabá em trecho localizado no município de Nossa Senhora do Livramento (MT), a cerca de 40 minutos de carro da capital de Mato Grosso, exigiu a intervenção do Corpo de Bombeiros e da polícia local neste sábado.

O governador de Mato Grosso, Mauro Mendes fez contato ainda no sábado com a diretoria da Âmbar Energia, assim que soube do vazamento e explosão de gás que provocou ferimento em duas mulheres.

Moradores relataram explosões e nuvens de fumaça às margens da BR-070, que foi interditada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) no km 545.

O gasoduto é de responsabilidade da Âmbar Energia, e com sua explosão abriu um buraco de 200 metros quadrados e 5 metros de profundidade. Foi o que apontou os peritos da Perícia Oficial e Identificação Técnica de Mato Grosso (Politec).

Em nota, o Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) de Mato Grosso informou que duas mulheres, que estavam em uma casa próxima,  foram atingidas “pelos detritos de pedra arremessados no rompimento do gasoduto”. Elas foram levadas para um hospital pelo SAMU para atendimento.

A empresa que fornece o gasoduto, que abastece MT interligado e canalizado da Bolívia, informou que válvulas de segurança foram acionadas para evitar mais vazamentos e duas equipes da empresa, de Cuiabá e Cáceres, foram para o local fazer os reparos.

Com 267 km de extensão, o Lateral Cuiabá liga o trecho boliviano do Gasoduto Bolívia-Brasil a capital de Mato Grosso, passando por San Matias (Bolívia), e, no Brasil, pelas cidades de Cáceres, Nossa Senhora do Livramento, Poconé e Várzea Grande. Já o gasoduto Brasil-Bolívia começa na cidade boliviana de Santa Cruz de La Sierra.

Depois de entrar no território brasileiro, passa pelos estados de Mato Grosso do Sul, São Paulo, Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul. O trecho norte liga Corumbá (MS) a Guararema (SP) e tem uma extensão de 1.147 km. O trecho sul, entre Paulínia (SP) e Canoas (RS), tem 1.176 km.

Walney Rosa

Idealizador e Fundador em 21 de janeiro de 2011 da Academia Lítero-Cultural Pantaneira, que compõe escritores, poetas, músicos e defensores da cultura pantaneira (com sede em Poconé) Antes disso em...

Deixe um comentário

Deixe uma resposta