Neste ano novo devemos nos programar. O site Mato Grosso Total (MTTOTAL) conversou com a assessoria de comunicação da Assembleia Legislativa de Mato Grosso e teve acesso ao cronograma de feriados e pontos facultativos para o exercício de 2023.

A AL-MT emitiu uma medida que permite à Mesa Diretora fazer o planejamento das atividades no âmbito da Casa Legislativa.

Com essas informações o servidor público do estado e os servidores dos municípios, e empresas podem ter conhecimento de como será o comportamento do serviço público em 2023, referente aos feriados e pontos facultativos, facilitando a vida do mato-grossense.

Confira o calendário de feriados e pontos facultativos de 2023:

I – 20 de fevereiro (segunda-feira) – Carnaval (ponto facultativo); 

II – 21 de fevereiro (terça-feira) – Carnaval (ponto facultativo); 

III – 22 de fevereiro (quarta-feira) – Cinzas (ponto facultativo até as 13:00 horas); 

IV – 06 de abril (quinta-feira) – ponto facultativo; 

V – 07 de abril (sexta-feira) – Paixão de Cristo (feriado religioso municipal); 

VI – 21 de abril (sexta-feira) – Tiradentes (feriado nacional).

VII – 01 de maio (segunda-feira) – Dia do Trabalho (feriado nacional); 

VIII – 08 de junho (quinta-feira) – Corpus Christi (feriado religioso municipal); 

IX – 09 de junho (sexta-feira) – ponto facultativo; 

X – 07 de setembro (quinta-feira) – Independência do Brasil (feriado nacional); 

XI – 08 de setembro (sexta-feira) – ponto facultativo; 

XII – 12 de outubro (quinta-feira) – Nossa Senhora Aparecida (feriado nacional); 

XIII – 13 de outubro (sexta-feira) – ponto facultativo; 

XIV – 02 de novembro (quinta-feira) – Dia de Finados (feriado nacional); 

XV – 03 de novembro (sexta-feira) – ponto facultativo; 

XVI – 15 de novembro (quarta-feira) – Proclamação da República (feriado nacional); 

XVII – 20 de novembro (segunda-feira) – Consciência Negra (feriado estadual); 

XVIII – 08 de dezembro (sexta-feira) – Nossa Senhora da Conceição (feriado municipal); 

XIX – 25 de dezembro (segunda-feira) – Natal (feriado nacional). 

Compartilhe.

Jornalista, produtor cultural e escritor. Walney de Souza Rosa (Vavá Rosa) presta assessoria e escreve para sites de Mato Grosso e de todo o Brasil. Seus artigos literários e culturais já foram publicados em jornais da Europa, Canadá e Estados Unidos. Idealizador e Fundador em 21 de janeiro de 2011 da Academia Lítero-Cultural Pantaneira, que compõe escritores, poetas, músicos e defensores da cultura pantaneira (com sede em Poconé) Entre obras já publicadas: A fé e o fuzil (A história de Doninha do Caeté); Boca da Noite (Ficção policial); Ei amigo (A história do Lambadão de Poconé).

Deixe uma resposta