“Belvederes são edificações com estruturas similar a um terraço elevado, seriam pequenos mirantes ou pavilhão do qual se avistará de forma segura a fauna e flora da região pantaneira em Poconé”, esclareceu a Vereadora por Poconé Jossielma Silva (PTB) ao solicitar a implantação de Belvederes em localizações estratégicas na extensão da estrada parque Transpantaneira.

Exemplo de estrutura: Belvedere do Espigão na cidade de Veranópolis

Seu verdadeiro nome é Rodovia Zélito Dorileo (MT-060), mas o Brasil a chama simplesmente de Transpantaneira, um nome emblemático que é sinônimo de belezas naturais e de muitas aventuras.

Esta estrada de chão, que corta o Pantanal do Mato Grosso ligando a cidade de Poconé a região de hotéis e pesqueiros de Porto Jofre, já na divisa com Mato Grosso do Sul, tem quase 150 quilômetros e é um dos grandes atrativos turísticos da região.

A vereadora Jossielma em sua função parlamentar requer a participação da Câmara dos Vereadores de Poconé nas tomadas de decisões sobre construção de Belvederes, por isso uma de suas proposições foi encaminhada ao Secretário de Desenvolvimento Econômico, Cesar Alberto Miranda Lima dos Santos Costa, estendido a Secretaria Adjunta de Turismo e Superintendência de Estrutura do Turismo, a ADEPAN – Associação em Defesa do Pantanal, Presidente Ivan Freitas da Costa, a Energisa – Diretoria Executiva – Presidente Gabriel Alves Pereira Junior, aos cuidados da senhora Danielly Pacheco Souza, responsável pelo Relacionamento com Clientes e Poder Público.

O requerimento pede “que seja esclarecido a esta Casa de Leis sobre a necessidade em dar continuidade à parceria entre Energisa e Governo do Estado para construção de 09 (nove) BELVEDERES na extensão da Rodovia Transpantaneira. Que preste esclarecimento sobre as localizações exatas onde estão previstas as construções. E se a frente do monumento a São Francisco existe essa previsão”, consta no documento assinado por Jossielma.

Na justificativa a vereadora afirmou: “Considerando que as arquiteturas desses empreendimentos podem ser definidas como uma pequena construção isolada na extensão da estrada parque onde se desfrutará de um panorama com vista ao pantanal e suas belezas, devemos abraçar essa causa e buscar brevidade nas decisões e rapidez na execução das obras”, finalizou a parlamentar.

Compartilhe.

Jornalista, produtor cultural e escritor. Walney de Souza Rosa (Vavá Rosa) presta assessoria e escreve para sites de Mato Grosso e de todo o Brasil. Seus artigos literários e culturais já foram publicados em jornais da Europa, Canadá e Estados Unidos. Idealizador e Fundador em 21 de janeiro de 2011 da Academia Lítero-Cultural Pantaneira, que compõe escritores, poetas, músicos e defensores da cultura pantaneira (com sede em Poconé) Entre obras já publicadas: A fé e o fuzil (A história de Doninha do Caeté); Boca da Noite (Ficção policial); Ei amigo (A história do Lambadão de Poconé).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.