Um avião bimotor, que pertence a família Riva, não conseguiu decolar e acabou tombando, na manhã desta segunda-feira (15), na região do Piquiri, no Pantanal de Mato Grosso.

O avião bimotor que pertence à Família Riva, e acabou tombando na manhã desta segunda-feira (15), estava com amigos de José Geraldo Riva Júnior, filho do ex-presidente da Assembleia Legislativa José Riva.

O acidente aconteceu na região de Barão de Melgaço, no Pantanal de Mato Grosso, após o bimotor não conseguir decolar e acabar tombando.

De acordo com a deputada estadual Janaina Riva (MDB), o avião era ocupado por amigos do irmão. Eles eram de outro Estado e vieram a Mato Grosso para pescar na Pousada Piquiri.

“Esse avião está sob os cuidados do nosso piloto. Ele foi fazer um voo e aconteceu esse incidente”, disse a deputada em entrevista aos sites de noticias. “Mas os passageiros estão todos bem”, acrescentou.

Segundo Janaina, houve apenas pequenas avarias na aeronave. O avião está no nome de José Geraldo Riva Júnior, filho do ex-deputado José Riva e que atualmente reside no Rio de Janeiro. 

De acordo com a parlamentar, quem poderia estar pilotando o avião deveria ser algum conhecido da família ou alguém que o teria alugado e estava de passeio no Pantanal no fim de semana. 

Segundo informações de pessoas que estavam na pousada no momento do acidente, a aeronave Seneca bimotor modelo Emabraer EMB-810C, não conseguiu decolar e acabou virando. 

Walney Rosa

Jornalista, produtor cultural e escritor. Walney de Souza Rosa (Vavá Rosa) presta assessoria e escreve para sites de Mato Grosso e de todo o Brasil. Seus artigos literários e culturais já foram publicados...

Deixe um comentário

Deixe uma resposta Cancelar resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.