Interprete da personagem “Muda” em Pantanal, a atriz cuiabana Bella Campos, que conquistou neste domingo (25), o troféu Melhores do Ano, do programa Domingão com Huck, da TV Globo, na categoria Melhor Atriz Coadjuvante. Durante o discurso, a atriz citou Cuiabá e agradeceu aos familiares.

Ao receber o anúncio de que havia recebido o prêmio, a atriz subiu no palco do programa. Em seu discurso, disse que gostaria de dividir o prêmio com as atrizes Bárbara Paz e Camila Morgado, que concorreram o prêmio com Bella.

“Nem nos melhores sonhos da vida eu imaginei que eu estaria aqui. Quando a Muda chegou pra mim eu não acreditava, era um personagem gigantesco e eu pensei que não iria conseguir”, disse.

Bella Campos agradeceu aos técnicos da novela e a cidade onde nasceu.

“Quero agradecer à Cuiabá, a minha cidade que eu tanto amo. Eu sentia que faltavam atrizes cuiabanas, para que eu enxergasse e me sentisse representada. Estou feliz em estar aqui hoje podendo inspirar alguém de lá, que queira e que tem essa esperança de que é possível romper essa barreira”, disse.

Compartilhe.

Jornalista, produtor cultural e escritor. Walney de Souza Rosa (Vavá Rosa) presta assessoria e escreve para sites de Mato Grosso e de todo o Brasil. Seus artigos literários e culturais já foram publicados em jornais da Europa, Canadá e Estados Unidos. Idealizador e Fundador em 21 de janeiro de 2011 da Academia Lítero-Cultural Pantaneira, que compõe escritores, poetas, músicos e defensores da cultura pantaneira (com sede em Poconé) Entre obras já publicadas: A fé e o fuzil (A história de Doninha do Caeté); Boca da Noite (Ficção policial); Ei amigo (A história do Lambadão de Poconé).

Deixe uma resposta