Diferente do que foi divulgado em algumas mídias a administração dos serviços de abastecimento de água nos Distritos de Cangas e Nossa Senhora Aparecida do Chumbo, localizados na zona rural do município de Poconé, está passando por processo de avaliação e de impacto orçamentário. Mas de fato que após a crise hídrica que assola Poconé, tendo em vista recentes reuniões na Câmara dos Vereadores e até mesmo debate com o Ministério Público a responsabilidade deverá ser repassada a Águas de Poconé legalmente ampliando o contrato de concessão pública já existente.

Desde o mês passado, julho, a concessionária e a Prefeitura Municipal já iniciaram dialogo e a ordem de serviço para o início da operação nas regiões.

Os trabalhos para a nova gestão já começaram e a concessionária montou um cronograma de ações emergenciais nos poços existentes dos Distritos de Cangas e Chumbo e deverá apresentar a proposta de ação ao executivo e poderá haver reuniões com as comunidades para maiores esclarecimentos, tudo respeitando as orientações sanitárias e a biossegurança.

A prefeitura aguarda a apresentação do plano de investimentos para os distritos. O objetivo é assegurar um sistema ainda mais moderno e eficiente, para que os moradores recebam água tratada todos os dias. Além das melhorias em infraestrutura e obras de água, serão implantados projetos e ações socioambientais e educativas, de acordo com os interesses da comunidade.

O presidente da Câmara Municipal, vereador Marcio Fernandes Nunes Pereira (Marcinho), foi o vereador que fez a indicação no Legislativo para que a Águas de Poconé atenda os dois distritos. Ele enfatizou a importância de garantir água tratada para os moradores. “A concessão dos serviços de água foi um tema debatido em sessões plenárias e audiência pública e é uma iniciativa que trará mais qualidade de vida para a população. Essa missão está nas mãos da Águas de Poconé e vamos continuar acompanhando as ações da empresa e cobrar para que esse contrato possa trazer ainda mais benefícios para a comunidade”.

Walney Rosa

Idealizador e Fundador em 21 de janeiro de 2011 da Academia Lítero-Cultural Pantaneira, que compõe escritores, poetas, músicos e defensores da cultura pantaneira (com sede em Poconé) Antes disso em...

Deixe um comentário

Deixe uma resposta