O processo de manutenção preditiva, que faz uso de dados e inteligência para prever falhas e problemas em um equipamento ou sistema, tem sido foco para as empresas, pois, através dele, é possível monitorar e reparar danos comuns da rotina industrial, reduzir custos e impulsionar a produtividade. A termografia é um exemplo de ação preditiva que pode ajudar a prever situações e antecipar diagnósticos.

A termografia é uma técnica de inspeção que utiliza radiação infravermelha, normalmente através de câmeras térmicas para identificar e visualizar diferenças de temperatura em equipamentos e instalações elétricas. Essa radiação infravermelha fornece informações sobre o estado ou temperatura de operação de um determinado componente ou equipamento. Uma vez identificado o padrão térmico existe um diagnóstico, em forma de imagem ou informação que pode sugerir algum ponto de aquecimento fora do padrão, que deve ser investigado.

Para Rodrigo Cunha, Business Unit Manager, da HIKMICRO, empresa que desenvolve equipamentos e soluções de imagens térmicas para uso industrial, quando se fala em empresas que operam 24×7, como as do setor de energia, é importante cuidar do funcionamento das máquinas e equipamentos para garantir a segurança e produtividade. Isso porque, com um menor risco de falhas nos sistemas de produção, a probabilidade de acidentes ou paradas inesperadas pode ser drasticamente reduzida.

“Com a termografia, toda análise é realizada sem a interrupção da operação, o procedimento é considerado ágil e recorrente. De forma que é possível avaliar vários equipamentos em um curto espaço de tempo, o que pode garantir um payback mais rápido sobre o investimento realizado”, explica Cunha.

A inspeção termográfica aplicada às empresas de energia pode ser implementada em subestações, painéis, torres de transmissão etc., até na geração, transmissão e distribuição de energia. Cunha complementa que é necessário que a manutenção preditiva seja devidamente aplicada, de modo a garantir a operação ininterrupta e segura.

“O setor de energia se mostra essencial para o dia-a-dia. Problemas podem ocorrer e, por isso, é importante que a área tenha meios de antecipar ou mitigar os contratempos. Desta forma, as paradas podem ser previstas de tal forma que as operações continuem, com o objetivo de não prejudicar o consumidor final”, conclui Cunha.

Website: https://www.hikvision.com/pt-br/

Compartilhe.

Comments are closed.