Há sempre uma força maior e uma menor, gerando tudo o que o leitor chama de vida, fluindo, do maior para o menor, gerando alívio. Isso se dá em todos os reinos (animal, vegetal, mineral) e em todo o universo. Isso também é o cerne do marketing e das técnicas de geração de demanda para o que a humanidade resolveu chamar de problemas.

O quanto o consumismo desenfreado que o leitor está vivenciando é simplesmente produto de forças que, na verdade, o leitor não controla. O leitor busca sempre alívio de algo que o aflige e age para encontrar soluções para o que encara como problemas ou desejos.

Esta história viaja pelas fraquezas humanas, mas também pela sua essência, na simplicidade do aprendiz que quer mudar o mundo. Seria Otto um ser especial que precisa ser eliminado por forças dominantes ou apenas um bruxo reprimido que gostaria de ter tido outra vida? Difícil saber.

Octavio Pires é administrador de empresas e especialista em café. Suas atividades no setor do agronegócio o levaram a viajar por muitos países, acreditando ser o seu legado o fato de mudar vidas ao longo de sua jornada, através do aprendizado e desenvolvimento mútuo, no plano pessoal e profissional. Escrever é um projeto antigo e sempre com o intuito de fazer as pessoas refletirem e evoluírem. Vive entre família, esposa e filhos no interior de Minas e se considera um viajante.