O balanço anual realizado pela Associação Brasileira de Franchising (ABF) sobre o desempenho do mercado de franquias no país foi divulgado recentemente e mostrou que o faturamento total em 2021 foi de mais de R$ 185 bilhões, um crescimento de 10,7%.

Um dos segmentos com maior destaque foi o de Saúde, Beleza e Bem-estar, que registrou uma receita de R$ 38,9 bilhões, 10,5% a mais do que no ano anterior. O estudo aponta ainda que mais empresas adotaram o sistema de franchising no último ano como modalidade de expansão do negócio.

É o caso da empresária Kátia Teófilo, proprietária do Império dos Cachos, primeira franquia de salão de beleza especializada em cabelos com texturas naturais.

“Comecei a empresa há alguns anos, porque percebi que o mercado não tinha salões focados em cabelos cacheados, crespos e ondulados. Foi algo inédito na minha região, e fez com que mulheres e homens de cidades vizinhas agendassem horários conosco e isso continua acontecendo até hoje”, contou Kátia. “Muitas pessoas me perguntavam se eu tinha outras unidades ou se poderiam ser minhas parceiras abrindo outros salões com a marca, daí surgiu a ideia de expandir no modelo de franquia, porque era uma forma de garantir que a replicação acontecesse de maneira padronizada, seguindo todos os requisitos de qualidade”, explicou Kátia Teófilo.

Fazer parte de um modelo de franquia traz diversos benefícios para o investidor, que não seriam possíveis caso decidisse abrir um negócio do zero. Entre essas vantagens, estão:

1. Estrutura completa e constante

O franqueado passa a fazer parte de uma empresa já consolidada no mercado, que já foi testada diversas vezes até chegar naquele modelo ideal. Ele também recebe suporte constante em diversos aspectos, desde atualizações de serviços e produtos, até instruções para manter o prestígio da marca.

2. Marketing personalizado

Ao participar de uma franquia, o empresário terá à disposição um marketing especializado e bem elaborado, podendo focar em outras áreas do negócio, como na prestação do serviço ou na venda dos produtos.

3. Baixo risco de falência

As franquias possuem planos de negócio bem estruturados e todo o processo de implantação e operação definidos, por isso as chances de o negócio não dar certo são muito menores do que um negócio que está começando.

4. Marca reconhecida

Um dos motivos que levam as pessoas a consumir os serviços ou produtos de determinado lugar é a sua reputação. As franquias contam com clientes já fidelizados, que irão até a unidade franqueada mesmo sem nunca ter ido lá antes.

Além disso, a padronização do layout e da identidade visual da marca propiciam fácil reconhecimento por parte do consumidor, independente de onde a franquia esteja instalada.