A Enerbras recebe nesta quinta (22 de junho), em Belo Horizonte (MG), o prêmio IMEC, realizado pelo Instituto Mineiro de Engenharia Civil. A empresa paranaense foi indicada e eleita como melhor fornecedor na categoria Materiais Elétricos/ Eletrônicos-Duchas e Materiais Elétricos.

A premiação homenageia empresas e indústrias que se destacam no fornecimento de materiais de construção, matérias-primas e serviços às construtoras. A seleção preza, principalmente, pela qualidade e relação custo-benefício oferecidos pelos fornecedores. Para concorrerem as empresas devem participar de uma pesquisa feita pela Contest, no início do ano. Em seguida, as participantes são eleitas por um júri formado por engenheiros, compradores e empresários da construção civil.

Helder Leal, gerente de marketing e exportação da Enerbras, aponta que receber o Prêmio IMEC é gratificante, sobretudo, pelo destaque da empresa em um estado pungente como Minas Gerais. “É uma honra estar entre os eleitos dessa premiação. Este reconhecimento confirma a qualidade de nossos produtos e nossa capacidade de atender varejistas de outras regiões do Brasil, distantes geograficamente do nosso parque fabril”, afirma.

A Enerbras foi fundada em 1995 e atua no mercado nacional e internacional no segmento de materiais elétricos. A indústria paranaense é fabricante de materiais elétricos, canaletas, duchas e torneiras, proteção elétrica, além de ferramentas e utilidades. A linha de produção é composta por mais de 2.000 itens. O parque fabril está localizado em Campo Largo, na região metropolitana de Curitiba, e possui 50.000m². A organização emprega mais de 250 colaboradores.

A Enerbras abastece o setor de construção civil em todo o Brasil e exporta seus produtos para mais de 25 países. Helder Leal destaca que a expansão da empresa, 100% paranaense, e a internacionalização dos negócios, é fruto da preocupação com as melhorias contínuas implementadas na organização, desde sua fundação.

“A busca pelo aprimoramento dos nossos produtos e pela inovação de nossos processos está no DNA da Enerbras. Para isso, investimos constantemente em novas tecnologias, pesquisas e, principalmente, no desenvolvimento dos colaboradores”, afirma o gerente de marketing e exportações da Enerbras.

Além do reconhecimento do IMEC, a empresa já recebeu 8 prêmios – entre eles o Top of Mind em marca de materiais elétricos e o Top of Mind em chuveiros elétricos, ambos concedidos pela Revista Revenda. Recentemente, a Enerbras alcançou a nota 9,9 no Reclame Aqui, uma plataforma que permite a interação entre os consumidores e as empresas. A nota serve como um termômetro sobre a avaliação dos brasileiros sobre uma marca.

Eureka

O chuveiro elétrico é considerado um dos principais produtos da Enerbras e abriu as portas da empresa paranaense para outros países. “O Quênia, na África do Sul, é um dos nossos principais mercados de exportação. Parece primitivo, mas muitas pessoas que residem no país ainda tomam banho gelado. Por isso, o chuveiro elétrico é um artigo de luxo, sinônimo de status para aquela população”, conta Helder Leal.

O chuveiro elétrico, presente em grande parte dos lares brasileiros, é uma invenção brasileira. Em 1945, o engenheiro Francisco Canho criou um dos produtos elétricos mais populares e importantes da vida cotidiana.

“O chuveiro elétrico democratizou o banho quente num momento da história em que as pessoas dependiam de métodos tradicionais para aquecer a água, como aquecedores a gás ou lenha, que são onerosos para o bolso da maior parcela da população brasileira. E essa é ainda uma realidade em diversos países do globo. Por isso, a invenção brasileira ganhou mercado no mundo todo e nos orgulhamos de oferecer um produto de qualidade, que traz mais conforto e segurança para a vida de tantas pessoas”, explica Leal.

 

Compartilhe.

Comments are closed.