Warning: Attempt to read property "display_name" on bool in /home/matogrossototal.com/public_html/wp-content/plugins/wordpress-seo/src/generators/schema/article.php on line 52

Um negócio é considerado uma microempresa (ME) quando tem faturamento anual de até R$ 360 mil. E toda empresa, independentemente do porte, precisa de uma gestão eficaz e responsável. Sendo assim, a tecnologia é uma grande aliada, pois automatiza diversos processos, evitando erros e diminuindo custos. Um sistema que pode auxiliar muitas  empresas, seja de prestação de serviços ou comércio – e de qualquer porte, é o de gestão financeira, por exemplo.

As principais vantagens de uma microempresa investir em um sistema de gestão financeira são: ter um fluxo de caixa sempre atualizado, pois ele permite analisar se o que estava orçado e previsto foi realmente realizado durante o dia, semana, mês e ano com relatórios detalhados e gráficos, e obter informações para o planejamento financeiro de curto e médio prazos através da integração de todas as partes do seu negócio de forma eficaz.

Gerar notas fiscais eletrônicas em segundos, faturar diferentes contratos com único clique e operacionalizar as cobranças e recebimentos sem equívocos para um faturamento individual ou em lote é outra vantagem que um sistema de gestão financeira oferece. 

E ainda há a possibilidade de poder contar com a facilidade da cobrança automática. Criar um fluxo de envio de e-mails automático com boleto, fatura ou notas fiscais anexadas e notificar clientes de forma personalizada para diferentes situações previstas e com o domínio da sua empresa é tarefa dos sistemas que automatizam as cobranças.

Os processos citados são apenas alguns exemplos do que um sistema de gestão financeira pode fazer pelas microempresas. A economia de tempo  e dinheiro e a diminuição dos erros são alguns dos ganhos. 

Porém, a facilidade de ter todas as informações do negócio, reunidas em um só lugar, funcionando de maneira integrada e à mão é o tipo de benefício que todo gestor precisa para crescer. Diz o ditado que o olho do dono é que engorda a boiada. 

Um sistema de gestão financeira para empresas oferece as automações mencionadas, entre outras, como boletos automáticos, conciliação bancária, relatórios dinâmicos e organização de contratos. “Por reduzir custos operacionais, os gestores de empresas devem enxergar a aquisição de um software de gestão financeira como um investimento. A tecnologia facilita a vida de todos os colaboradores direta ou indiretamente. E a empresa só tem a ganhar”, comenta Marcelo Guerra, CEO da Fintera

Compartilhe.

Comments are closed.