Ontem o sinal de alerta foi acionado no estado de Mato Grosso. Resultado: pânico.

As últimas 24 horas, 40 pessoas morreram em decorrência do novo coronavírus, o número de mortes é o maior em um único dia desde o início do ano, segundo informação da Secretaria de Estado de Saúde (SES) que foi divulgada em boletim epidemiológico de quarta (17). Ainda, outras 1.710 pessoas foram infectadas pelo vírus. 

Com a atualização, Mato Grosso passa a contabilizar 5.544 mortes e mais de 237,2 mil contágios pela doença. Do total de ocorrências, em cerca de 223 mil as pessoas infectadas já se recuperaram.

A taxa de ocupação de Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs) é de 74,70%, enquanto o mesmo índice para leitos de enfermarias é de 33%.

Cuiabá, Rondonópolis e Várzea Grande são as cidades mato-grossenses com maior número de contágios pela doença. Contudo, são nos municípios menores e do interior que se concentram as mais altas taxas de mortalidade.

Entre as recentes vítimas das ultimas 24 horas, estão duas mulheres e um homem de 92 anos, residentes da região da baixada cuiabana. A vítima mais nova, de acordo com os dados da secretaria, é um homem de 36 anos residente em Tabaporã (a 700 km de Cuiabá).

Todos os 20 hospitais de responsabilidade do Governo do Estado têm lotação superior a 45%. No total, até essa quarta (17), 1.013 pacientes estão hospitalizados devido à doença em Mato Grosso.

Hospital e Maternidade Santa Rita, em Várzea Grande, está superlotada. São 14 pacientes para apenas 10 leitos disponíveis. Hospital Regional de Rondonópolis (a 212 km), de Sorriso (a 396 km) e de Pontes e Lacerda (a 443 km) estão com todos os leitos ocupados.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (50.506), Rondonópolis (17.448), Várzea Grande (15.136), Sinop (12.348), Sorriso (10.028), Tangará da Serra (9.760), Lucas do Rio Verde (8.996), Primavera do Leste (7.060), Cáceres (5.358) e Nova Mutum (4.911).

Walney Rosa

Idealizador e Fundador em 21 de janeiro de 2011 da Academia Lítero-Cultural Pantaneira, que compõe escritores, poetas, músicos e defensores da cultura pantaneira (com sede em Poconé) Antes disso em...

Deixe um comentário

Deixe uma resposta